/* /* /* Bananada de Goiaba

Bananada de Goiaba

PEQUENOS REGISTOS PARA os meus amigos, que nunca sabem nada de mim... e sei lá eu se com ISTO vão saber mais, ou melhor!
 

Pela 1ª vez

terça-feira, janeiro 20, 2004

Ponho em questão o meu pior vício: o tabaco!

Pela 1ª vez me questiono o porquê...

... eu, que não gosto de pensar e muito menos saber do porquê das coisas (para não apanhar desgostos*!!!)

... eu, que não fumo durante o sono porque não dá jeito;

... eu, que a primeira coisa que faço logo que acordo é ir beber água e fumar um cigarro;

... eu, que fui uma grávida fumadora (que vergonha, menina Cristina, que vergonha!!!);

... eu, que depois de qualquer operação com anestesia geral (foram 7 a contar com as duas cesarianas e a gravidez ectópica), assim que tinha forças nas pernas, levantava-me agarrada ao poste do soro (ainda bem que tinha rodas) e lá ía eu, perdida no espaço e no tempo daqueles corredores de hospital, até uma janela para fumar um cigarro...

... eu, que originei um estado de tristeza a uma grande amiga do coração por causa do tabaco ( é uma estória muito comprida!!!);

... eu, que sempre achei que ía morrer de qualquer maneira, atropelada ou com cancro, não fico cá para semente (e ainda bem, nunca desejei ser Imortal, como o Márinho!!!);

Eu, cheguei á simples conclusão que não sou eu que uso o tabaco!

É ele que me usa a mim!!! E, isto doí! Nunca gostei de ser usada...

Doi-me porque deixei de ter cheiro (e se eu gosto de cheiros!!!)...
Doi-me porque deixei de ter gosto... deixei de ter sabor...
Doi-me porque o meu perfume já não fica por onde passo (fica o cheiro do tabaco)...
Doi-me porque as minhas filhas não tiveram opção de escolha, fumam e pronto...
Doi-me perceber que não tenho uma empregada doméstica porque gasto o dinheiro que serviria para pagar esta preciosa ajuda em tabaco!!!

Doi-me tanto sentir-me dependente...

***



* DESGOSTOS
Doença altamente perigosa que se apanha quando se pensa, até ao fundo da questão, nas coisas que fazem parte integrante da vida.
---
 

"Que dias há¡
que na alma me tem posto
Um não sei quê,
que nasce não sei onde
vem não sei como
e dói não sei porquê."

(Luis Vaz de Camões)

plosanimais
Na minha vida REAL...

 

"A realidade é um detalhe,
  Pra quem sonha ela é um desafio.

 

... fica para depois!

neste momento não consigo ler mai nada!!!

 

Existem, e tenho que ler...
No baú

@ Correio