/* /* /* Bananada de Goiaba

Bananada de Goiaba

PEQUENOS REGISTOS PARA os meus amigos, que nunca sabem nada de mim... e sei lá eu se com ISTO vão saber mais, ou melhor!
 

As mudanças.... episódio 2

terça-feira, maio 03, 2005

Então vá
Váá aonde ?
Até ali á a miuda está inspirada...

Está bem, disse eu com o dedinho mindinho empinadito!

(foi a parte da publicidade, passemos ao episódio)
***
Seria caso para me sentir diminuída só porque não sabia que milímetros tem a canalização do gás?
E? Já agora, como é que isso se vê?
No contador? Hummm... nunca vi...!!!

Foi um pequeno intervalo ao escada-a-cima-escada-a-baixo deste dia!

Mais um, entre os milhares de intervalos que se foi fazendo á conta do Super-Homem com H!

Ahhh! Valente!!!

Ainda bem que existes, OOH Grande-Homem, pensaram as betinhas queques inúteis daquele grupo cuja Coordenadora do Projecto, na falta da Jaquetel, tentava frustradamente mandar alguma coisa.

Mas o orgulho não transparecia apenas dos olhos da Super-Mulher-Fada-do-Lar, que até os chanatos atirou para o lado, em pleno 2º andar, e descalça, com grandeza e leveza (esta parte da leveza é bonita!) subiu os lances que restavam!

Este brilho era eminente nas faces deles todos...
quem conseguia carregar um colchão de casal sozinho... uma esleira... uma mala de camfura... e por aí fora!
Quase que despotavam um troféu!

Este orgulho suberbo e brilhante - seria da falta de um shampoozinho de qualidade? - dominava nos mais fortes!

Para eles, isto é o auge da realização pessoal!

Foi então que nos apercebemos que estavamos no meio do clímax da felicidade humana!

Foi então que pusemos os óculos escuros, dirigimo-nos para a esplanada e pedimos:

- Oh menino! Tem a certeza que este sonho é cor-de-rosa?

***
 

"Que dias há¡
que na alma me tem posto
Um não sei quê,
que nasce não sei onde
vem não sei como
e dói não sei porquê."

(Luis Vaz de Camões)

plosanimais
Na minha vida REAL...

 

"A realidade é um detalhe,
  Pra quem sonha ela é um desafio.

 

... fica para depois!

neste momento não consigo ler mai nada!!!

 

Existem, e tenho que ler...
No baú

@ Correio